facebook peptan twitter peptan youtube peptan youtube peptan
Top
Peptan / Notícia

Novo estudo clínico confirma a eficácia de Peptan para beleza da pele e força do cabelo

A Rousselot, uma empresa global da Darling Ingredients e líder mundial na produção de peptídeos de colágeno e gelatinas, divulgou os resultados de um novo estudo clínico[1] sobre os efeitos dos peptídeos de colágeno Peptan® na beleza da pele e força do cabelo. Adicionando mais evidências ao amplo portfólio científico de Peptan, o estudo revelou que a suplementação oral com peptídeos de colágeno Peptan contribui significativamente para melhorar a aparência geral da pele e do cabelo em uma população etnicamente diversificada. Promovendo a pele suave com peptídeos de colágeno O estudo clínico randomizado, duplo-cego e controlado por placebo foi realizada com 60 mulheres brasileiras saudáveis, com idade entre 45 e 60 anos. Durante um período fixo de 90 dias, um grupo de 30 participantes recebeu uma dose...

Compartilhar

A Rousselot como fornecedora de peptídeos de colágeno para atletas profissionais da Papendal

Peptan para ajudar os artistas de elite a alcançar novas alturas A Rousselot foi anunciada como fornecedora de peptídeos de colágeno para atletas profissionais em treinamento no High Performance Centre Papendal na Holanda. A parceria significa que a Rousselot, produtora e comercializadora da marca líder mundial de peptídeos de colágeno, Peptan®, fornecerá aos atletas profissionais da Papendals o Peptan durante 2019 e 2020. A melhor nutrição para nossos atletas O Dr. Jeroen Wouters, Gerente de Inovação de Esportes e Nutrição da Papendal, está entusiasmado com a parceria. A Papendal dedica-se a fornecer a nutrição ideal aos atletas treinados em nossas instalações", comenta. Estamos ansiosos por esta colaboração com a Rousselot, a empresa por trás da marca de peptídeos de colágeno Peptan, no apoio às necessidades nutricionais específicas de...

Compartilhar

Estudo clínico destaca a eficácia do Peptan na recuperação esportiva

O ensaio clínico duplo-cego, randomizado e controlado por placebo, envolveu 24 homens jovens ativos, que consumiram uma dose diária de 20g de Peptan, 10g de manhã e 10g à noite, versus um placebo tomado em duas doses. O estudo mediu o desempenho (por saltos de contramovimento (CMJ)), dor muscular (usando uma escala visual analógica de 200 mm) e uma gama de marcadores sanguíneos associados a lesão muscular, inflamação e metabolismo ósseo, antes da suplementação (na linha de base), pré-exercício, pós exercício, bem como 24h e 48h após esforço físico. Os participantes tomaram a dose alocada por nove dias, o que incluiu um período de run-in de sete dias. Em seguida, os sujeitos realizaram uma série de exercícios físicos prejudiciais aos músculos para medir os efeitos...

Compartilhar