Top
Peptan / blog  / Colágeno  / Qual a diferença entre peptídeos de colágeno e colágeno hidrolisado?
collagen powder

Qual a diferença entre peptídeos de colágeno e colágeno hidrolisado?

3 Wednesday February

Peptídeos de colágeno ou colágeno hidrolisado? Neste artigo, esclarecemos os dois termos, analisamos a sua origem e o que significam.

Não há diferença. Os termos peptídeos de colágeno e colágeno hidrolisado são sinônimos, sendo utilizados alternadamente para o mesmo produto. É uma mera questão de semântica. A expressão “peptídeos de colágeno” é baseada no produto final, que consiste em peptídeos derivados do colágeno, enquanto “colágeno hidrolisado” decorre do processo de hidrólise, o método através do qual os peptídeos de colágeno são fabricados.

Para uma ilustração simples, consideremos o ingrediente “farinha de trigo”. Podemos chamar-lhe “trigo moído” depois do processo de moagem. Ou “farinha de trigo” depois de finalizado o produto, isto é, a farinha.

Por isso, colágeno hidrolisado é apenas outra forma de dizer peptídeos de colágeno.

 

Colágeno Hidrolisado vs Peptídeos de colágeno: Que expressão utilizar?

Qualquer uma. Ambas são legítimas. Contudo, nos últimos anos, tem havido uma tendência para utilizar o nome “peptídeos de colágeno”. Isto acontece porque os peptídeos derivados do colágeno são o principal componente bioativo; em outras palavras, são os peptídeos bioativos que adicionam valor a uma vasta gama de produtos nutricionais e nutracêuticos, por isso faz sentido utilizar o termo “peptídeos de colágeno”.
 
Onde comprar produtos com Peptan
 

O que é colágeno?

O colágeno é uma importante proteína estrutural que se encontra nos animais. Essencialmente, mantém a estrutura do corpo, dando força, estrutura, elasticidade e coesão aos ossos, pele, músculos, tendões, ligamentos e cartilagem.

Há diferentes tipos de colágeno no corpo. O Colágeno Tipo I, por exemplo, é feito de fibras muito longas, firmemente comprimidas, que oferecem resistência à tração aos ligamentos, tendões e pele. As fibras do Colágeno Tipo II, por outro lado, são mais curtas, permitindo à cartilagem absorver choques entre ossos e amortecer articulações. Por isso, é uma substância essencial para manter a boa saúde física.

À medida que envelhecemos, o organismo produz menos colágeno, o que resulta em sinais visíveis de envelhecimento, como linhas de expressão e rugas. Isso acontece pois há menos colágeno a oferecer elasticidade e suporte estrutural à pele.

O colágeno (tipicamente pele e ossos de peixe, suínos e bovinos) é a matéria-prima a partir da qual os produtos, como a gelatina e os peptídeos de colágeno, são feitos.

 

O que são peptídeos de colágeno e como é o processo de hidrólise do colágeno?

Enzymatic hydrolysis

 

Os peptídeos de colágeno são cadeias curtas de aminoácidos extraídas de colágeno nativo (comprimento total), através de um processo designado por hidrólise enzimática (também hidrolisação enzimática).

Assim, o colágeno nativo (por ex., couro bovino) tem de passar por um processo de amolecimento que permite que os peptídeos de colágeno sejam liberados das suas ligações e a sua extração seja segura. Ao nível molecular, o colágeno é formado por três cadeias longas de aminoácidos que formam uma tripla hélice com elevado peso molecular. Como resultado, os peptídeos de colágeno são parte de uma matriz firme e insolúvel de fibras de colágeno.

A seguir, o colágeno passa por um processo designado por hidrólise enzimática. É aqui que uma enzima específica é utilizada para quebrar as ligações de peptídeos, para que os peptídeos de colágeno possam ser extraídos. O grau de hidrólise tem um impacto no peso médio molecular do produto final.

O processo de hidrólise enzimática é estritamente controlado para assegurar a reprodutibilidade.

 

Por que os peptídeos de colágeno (colágeno hidrolisado) tem benefícios? 

Os peptídeos de colágeno são bioativos. Isto significa que, quando absorvidos pela corrente sanguínea, podem influenciar a atividade das células do organismo de diversas formas. Por exemplo, os peptídeos de colágeno podem estimular os fibroblastos da pele a formar mais ácido hialurónico, essencial para a hidratação da pele.

Os peptídeos bioativos de colágeno podem ajudar o organismo a reparar os tecidos danificados. Podem oferecer apoio estrutural para a pele, contribuir para um cabelo saudável e ajudar a manter a densidade óssea. É por isso que os peptídeos de colágeno são utilizados para uma série de necessidades de saúde, beleza e boa forma.

Por exemplo, vários estudos científicos demonstraram que os peptídeos de colágeno podem ajudar a melhorar a saúde das articulações1,2, protegendo a cartilagem da degradação e ajudando a inflamação em torno das articulações. Isto tem efeitos benéficos para pessoas com problemas articulares, já que pode ajudar a melhorar a mobilidade e a reduzir a dor.

Outros usos para os peptídeos de colágeno:

Recuperação esportiva

Os peptídeos de colágeno são utilizados por atletas, bodybuilders e desportistas para ajudar a reduzir o tempo de recuperação após um treino intensivo. Uma atividade intensa coloca tensão nas fibras musculares e na camada envolvente dos tecidos conjuntivos, e o organismo precisa de tempo para recuperar antes de realizar mais treinos.

Os peptídeos de colágeno podem ajudar na recuperação, reduzindo o período de recuperação, o que significa que quem pratica esporte pode maximizar o seu plano de treinos e melhorar o desempenho.

Além de proporcionar tempos de recuperação mais rápidos, tomar peptídeos de colágeno também pode reduzir a dor muscular.

 

Weightlifting girl

Saúde óssea

Os peptídeos de colágeno podem beneficiar a saúde dos ossos. Os ossos são predominantemente compostos por colágeno e sais de cálcio. Ao longo de vida de uma pessoa, os ossos estão constantemente recuperando-se e a regenerando-se, num processo conhecido por remodelação óssea.

Como suplemento de saúde, os peptídeos de colágeno podem ser utilizados para estimular o processo de remodelação óssea e ajudar a manter uma boa saúde óssea. Num recente estudo4, os investigadores descobriram que a suplementação de peptídeos de colágeno pode influenciar o metabolismo das células ósseas em diversos níveis, promovendo o processo de remodelação e ajudando o organismo a manter a resistência dos ossos.

 

stretching lady

Beleza da Pele

 

Os peptídeos de colágeno são utilizados para ajudar a melhorar a saúde da pele e diminuir os sinais visíveis de envelhecimento, como rugas. Há vários estudos científicos que demonstram a capacidade dos peptídeos de colágeno para promover a beleza da pele. Em 2015, os resultados de dois estudos clínicos4 demonstraram que a suplementação de colágeno melhorou a aparência e a hidratação da pele em mulheres caucasianas e japonesas, respectivamente. Outro estudo5 de 2019 confirmou que a suplementação de peptídeos de colágeno tem efeitos positivos em participantes com diferentes tipos de pele.

 

 

smiling lady

 

Se deseja saber ainda mais sobre os peptídeos de colágeno, consulte estes recursos.

 

Descubra onde comprar produtos Peptan no seu país

 

References:

[1] Dar, Q. et al., 2017. Daily oral consumption of hydrolyzed type 1 collagen is chondroprotective and anti-inflammatory in murine posttraumatic osteoarthritis. PLoS ONE 12(4):e0174705

[2] Jiang J.X. et al., 2014. Collagen peptides improve knee osteoarthritis in elderly women: A 6-month randomized, double-blind, placebo-controlled study. Agro FOOD Industry Hi Tech, 25:19-23

[3] Clifford, T, et al., 2019. The effects of collagen peptides on muscle damage, inflammation and bone turnover following exercise: a randomized, controlled trial. Amino Acids 51(4):691-704, doi.org/10.1007/s00726-019-02706-5

[4] Asserin, J. et al., 2015. The effect of oral collagen peptide supplementation on skin moisture and the dermal collagen network: evidence from an ex vivo model and randomized, placebo-controlled clinical trials. Journal of Cosmetic Dermatology, doi: 10.1111/jocd.12174

[5] Rousselot unpublished study 2019