Para usufruir de estilos de vida saudáveis e com o objetivo de manter sua mobilidade em seus anos sênior, cada vez mais consumidores estão cientes da saúde óssea e das articulações em uma idade mais jovem. Especialmente os esportistas sentem muitas vezes cansaço em suas articulações e com o envelhecimento da população crescendo em todo o mundo, há uma oportunidade para os fabricantes de suplementos dietéticos se focarem neste mercado e oferecer produtos que atraem a procura dos consumidores atuais.

Peptídeos de colágeno: 2ª geração de ingredientes para a saúde das articulações

A glucosamina e a condroitina são tradicionalmente conhecidas no mercado como ingredientes ativos para a saúde das articulações. Contudo, há uma procura crescente de ingredientes de segunda geração, liderados pelos peptídeos de colágeno. Segundo os dados coletados pela SPINS, as vendas de colágeno aumentaram de 1,6 milhão de dólares para 2,1 milhões de dólares entre novembro de 2013 e dezembro de 2014, representando um crescimento de 33,5 por cento.

A eficiência dos peptídeos de colágeno na saúde das articulações é apoiada por um extenso conjunto de estudos científicos. Seguros e naturais, os peptídeos de colágeno são os alicerces do próprio corpo para a cartilagem e um ingrediente ideal para tratar não só os consumidores mais velhos como também quem pratica esportes repetitivos como corrida ou ciclismo. Os peptídeos de colágeno Peptan oferecem benefícios únicos e comprovados e são cada vez mais usados como ingrediente ativo fundamental nas formulações de produtos de sucesso para a saúde das articulações.

Procura aplicações específicas de produtos para saúde óssea e das articulações?


Comprovado cientificamente

Saúde das articulações

O colágeno é o componente estrutural fundamental dos tecidos da cartilagem e manter níveis suficientes é essencial para ter articulações saudáveis e flexíveis. A eficiência dos peptídeos de colágeno Peptan e o mecanismo por trás de sua capacidade em suportar e melhorar a função e conforto das articulações são baseados em estudos científicos.

Manter Articulações Saudáveis

Em um estudo clínico1 aleatório de dupla ocultação controlado com placebo, 94 mulheres com idades compreendidas entre 40 e 70 anos com problemas nas articulações dos joelhos (classificação da osteoartrite: O nível 0-III recebeu 8g de Peptan ou placebo diariamente durante 6 meses. 

  • O resultado WOMAC é o método padrão internacional para avaliar clinicamente a saúde das articulações em pacientes.
  • O tratamento com Peptan levou a uma redução estatisticamente significativa do resultado WOMAC de -24% ligada a uma redução de 32% nas dores das articulações e 44% de melhoria da rigidez (resultados da subescala).

Melhorar a função das articulações

O mesmo estudo também pesquisou se Peptan podia melhorar a função das articulações do joelho no mesmo grupo de mulheres.

  • O resultado Lysholm estava relacionado com a melhoria dos movimentos do joelho em atividades quotidianas. 
  • O tratamento com Peptan resultou em um aumento estatisticamente significativo do resultado Lysholm em 7%, o que comprova as melhorias ao longo do tempo.

Estimular os condrócitos (células da cartilagem)

Em um estudo in vitro2, as células primárias da cartilagem (condrócitos) foram cultivadas na presença de diferentes concentrações de Peptan durante 8 dias para demonstrar a capacidade de Peptan em induzir a produção de componentes fundamentais da cartilagem, aggrecan e colágeno tipo 2, que compõem o tecido das articulações.

  • O tratamento com Peptan estimulou claramente a expressão do aggrecan e do colágeno tipo 2 pelas células das articulações.

Cartilage-regenerative and anti-inflammatory effects of Peptan

A new in vivo study3 confirms Peptan's role in supporting joint health, providing scientific documentation of the mechanisms behind cartilage regeneration and joint inflammation reduction. Peptan is:

  • Cartilage-regenerative 
    it preserves cartilage area during osteoarthritis development
  • Chondro-regenerative 
    it stimulates chondrocyte proliferation (increased number) and stimulates proteoglycan synthesis.
  • Anti-inflammatory 
    it normalizes synovial thickness and reduces production of the inflammatory marker TNF.

Find out more details about this study

Read press release

Download whitepaper 


Saúde óssea

Os ossos são tecidos vivos que passam por remodelações, um processo importante para manter o equilíbrio e garantir a densidade da massa óssea saudável e evitar fraturas ao longo de nossas vidas. O colágeno oferece a estrutura orgânica no osso onde os minerais são depositados e oferece também flexibilidade e força ósseas.

O cálcio, a vitamina D e as proteínas são nutrientes2 fundamentais para ossos saudáveis. O colágeno melhora a flexibilidade óssea, o que ajuda os ossos a absorverem o impacto. Como proteína pura, os peptídeos de colágeno Peptan colaboram com o cálcio e as vitaminas para suportar a saúde óssea.

Em uma pesquisa realizada pelo Council for Responsible Nutrition nos EUA, descobriram que 29% dos entrevistados tomam suplementos para melhorar sua saúde óssea e 36% têm mais de 55 anos. Os grupos mais jovens também querem proteger seus ossos de forma preventiva, a pesquisa indica que 17% dos entrevistados tinham idades compreendidas entre os 18 e 34 anos e 31% tinham entre 35 e 54 anos.

Os suplementos com peptídeos de colágeno podem apoiar ossos saudáveis como documentado nos vários estudos in vitro, in vivo e clínicos3,4,5. A Pesquisa da Peptan demonstrou que os peptídeos de colágeno podem estimular a produção endógena de colágeno no tecido ósseo, acionando os osteoblastos (células de formação óssea) e aumentando o tamanho e a firmeza dos ossos.

Melhorar a força óssea

O mesmo estudo indicado acima pesquisou também a microarquitetura e força dos ossos e conseguiu demonstrar o seguinte:

  • O tratamento com Peptan aumenta a força óssea final comparando com o grupo de controle.

Estimular os osteoblastos (células ósseas)

Conhecem-se bem os mecanismos por trás dos benefícios para a saúde óssea com Peptan. Como exemplo, Peptan foi comparada com uma proteína de controle no estudo in vitro4 abaixo, as células ósseas primárias cultivadas na presença de Peptan durante 2 semanas.

  • O tratamento com Peptan promoveu a formação de células de formação óssea (osteoblastos) e estimulou sua atividade. Em contraste, a presença de células de reabsorção óssea (osteoclastos) foi eliminada. A proteína de controle (BSA) não apresentou o mesmo efeito. 

Download do catálogo

Download brochure

Download de publicação técnica 

Download whitepaper

Download do catálogo